Projeto Famílias Consagradas

Mobilização das Famílias via Internet

Somente diante de uma mobilização teremos força para mudar ou propor mudanças em nossa sociedade e resguardar que isso aconteça de forma efetiva. Não precisamos legislar, não precisamos governar, não precisamos impor sobre nossa nação as nossas convicções pessoais, mas podemos formar consciência, esclarecer a sociedade e criar um canal onde a sociedade possa exprimir seus pensamentos e que estes sejam ouvidos por todos aqueles que governam, legislam e formam opiniões em nossa sociedade.
Assim o que segue neste projeto é uma idéia que com a participação de muitas outras pessoas e instituições pode chegar a ser a resposta para uma sociedade justa e fraterna.Consagração das Famílias

Consagração das Famílias:


Famílias consagradas a Deus por uma Nação justa e fraterna.
Promover uma grande campanha em todo o Brasil onde as famílias assumiriam uma consagração a Deus, pessoas que buscam viver uma vida aos moldes do evangelho, onde formalmente fazem esta opção em união com toda a Igreja.

Metodologia:


Estas “Famílias Consagradas” estariam diretamente conectadas, via internet, a uma central que as manteriam informadas sobre tudo o que está acontecendo ao nível de: governo, da Câmara dos Deputados, do Senado, no campo econômico, político, e em outras questões de importância para o bem comum. A grande diferença é que seria um caminho de mão dupla onde não só as Famílias consagradas receberiam informações, mas, fariam suas votações a favor ou contra fazendo assim uma enquête em todo Brasil referente a um assunto em pauta.

Ato formal de compromisso:


Como forma de selar este compromisso a família receberia um certificado onde constaria sua adesão com as bênçãos da Igreja.

Certificado:


Neste certificado constam os termos de consagração e as bênçãos da Igreja. Este certificado deve ser colocado em lugar de destaque nas casas como testemunha de uma adesão formal para uma nação justa e fraterna.

Cadastramento:


Pelo acesso a internet a pessoa faria o cadastro de sua família indicando os dados dos membros que moram em sua casa e inclusive os e-mails de cada um. Desta forma todos receberiam as informações e poderiam participar das enquêtes. Após este cadastramento seria enviado o certificado.

Distribuição:

Estamos buscando apoio das dioceses, da CNBB, de entidades que promovem a vida, de pastorais, como a Pastoral Familiar, para uma distribuição em todo país.

Metas:

A meta é de 500.000 famílias consagradas com um número de 2.500.000 pessoas aproximadamente. Este número é expressivo, mas se levarmos em conta que temos mais de 8.000 paróquias no Brasil, teríamos uma média de 62 famílias por paróquia.

Parceiros:


Para a execução deste projeto seria imprescindível a participação efetiva de parceiros que dariam suas contribuições em áreas específicas.

Resultado Final:

Uma nação participativa e atuante fazendo da vida uma prioridade em que todos sejam um conforme o mandato do Senhor. Justificativa:
Diante de nossa situação social em que vemos uma grande degradação de nossa sociedade, uma perda de valores, uma crescente onda de violência, uma perda de critérios éticos e morais, onde somos testemunhas de uma nação que, a cada dia, se arrasta para a morte de seu povo na marginalização, nas drogas, na prostituição enfim, nada disso é novidade, todos sabem muito bem para onde as coisas caminham e que aqueles que podem fazer algo transformador, aqueles que têm o poder de legislar a favor do bem comum; aqueles que são formadores de opinião na sociedade estão cada vez mais corrompidos e degradados em seus conceitos fruto do dinheiro e do poder. De outro lado vemos uma massa de pessoas que gostaria que tudo fosse diferente que buscam uma sociedade justa e fraterna, mas estão desarticulados e não estão mobilizados, com isso não tem força na sociedade e acabam vendo uma nação despencando ladeira abaixo rumo ao caos de uma Babel sem limites.
Por isso e muito mais, criamos o projeto “Famílias Consagradas, por uma nação justa e fraterna”.


Objetivo:

Este projeto nasce destas necessidades com a busca de mobilizar o povo Brasileiro, de convocar, principalmente os Católicos de todo o Brasil a se unirem e formarem uma grande muralha dos filhos de Deus que possam colocar frente a todos os sinais de morte que estamos presenciando em nossa sociedade. Para isso dois pontos são fundamentais: A comunhão com Deus na vida de Oração e a comunhão com o outro no trabalho de transformação da sociedade.
Para atender estas necessidades criamos, fruto de uma experiência em família, O Grupo de Partilha em Família, e de outro lado a mobilização via internet.